O que é preciso para abrir e manter uma escola de dança?

No dia 12 de novembro é comemorado o Dia do Diretor de Escola e, por isso, convidamos nossa Diretora Artística, Nelma Darzi, para compartilhar sua experiência e conhecimento sobre a profissão

Hoje iremos compartilhar com vocês a trajetória da nossa diretora artística, Nelma Darzi, que antes de começar sua profissão no mundo da dança, trabalhava com teatro. Além disso, Nelma tem dicas valiosas para quem sonha em fundar sua própria escola de dança!

Nelma contou que iniciou sua carreira em escolas de dança como professora aos 19 anos, mas que sempre gostou de organizar eventos e não pretendia “ficar presa dentro de uma sala de aula a vida toda”. “Com a formação, também em artes cênicas, eu buscava escrever os roteiros dos espetáculos e me empenhava muito na montagem e produção. Trabalhei em muitos eventos com o intuito de aprender e, mesmo sem receber qualquer remuneração, eu queria estar presente trabalhando”, explica nossa diretora.

A partir dessas experiências, Nelma criou coragem para fundar uma escola de dança, pois sabia que era isso que queria fazer profissionalmente. E assim, em 1988, nasceu a Escola de Dança Petite Danse, na casa dos pais da Nelma, na Tijuca – que até hoje é uma de nossas unidades, que permanece no mesmo endereço depois de mais de 30 anos. Na sala de estar da casa foram instaladas barras e espelhos e, com o passar do tempo, a procura pelas aulas foi aumentando e a escola foi tomando conta dos outros cômodos, até ocupar o espaço inteiro.

Para seguir nessa trajetória de diretora, Nelma precisou estudar e se preparar para liderar pessoas, entender os processos para abrir uma empresa e adquirir conhecimento na área administrativa. “Foi preciso fazer algumas especializações para me sentir mais segura e confiante na hora de trabalhar”, diz Nelma.

Nossa diretora artística também contou que a maior dificuldade para um diretor é manter sempre a qualidade e excelência do ensino em sua escola. “O maior desafio é conseguir dar conta de tantas tarefas, por isso, ter uma equipe unida e comprometida é fundamental”, conta.

Assista ao vídeo da nossa diretora contando sua história quando foi ganhadora do 18º Prêmio Cláudia na categoria Cultura:

Nelma separou algumas dicas para você entender melhor a como trabalhar com excelência na direção de uma escola: “Para aqueles que são diretores, acredito na união entre as escolas, na troca de conhecimento e colaboração. Para aqueles que ainda querem abrir suas escolas, aconselho buscar conhecimento. Estudem e se preparem para se tornarem diretores, por meio de cursos, livros, pesquisa; conversem com diretores experientes pois isso pode ajudar muito!”

Esperamos que a história da nossa querida diretora inspire você a seguir os seus sonhos e nunca desistir de alcançá-los!

Conheça um pouco mais da história da Escola de Dança Petite Danse no vídeo:

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale com a gente
Enviar via whatsapp