fbpx

Já sabe como vai comemorar o Dia Internacional da Dança?

Neste dia 29 de abril de 2021, participe da ação solidária No Passo do Outro doando um alimento não perecível

Para celebrar o Dia Internacional da Dança, a Petite Danse se uniu à campanha solidária “No Passo do Outro”, realizada em parceria com o Sindicato dos Profissionais de Dança do Estado do Rio de Janeiro, a Prefeitura da Cidade do Rio e a Secretaria Municipal de Cultura. Nelma Darzi conta como é importante participar de uma ação como esta.

O dançarino e coreógrafo Carlinhos de Jesus ajudou a desenvolver a ação que acontecerá em diversas capitais do Brasil com o objetivo de comover a sociedade a participar de um movimento solidário. “A dança sempre foi uma arte não verbal e é através do movimento que muitos profissionais de dança levam nossa arte para o mundo”, diversos apoiadores que acreditam nisso estão juntos na campanha do No Passo do Outro.

“Estar no passo do outro neste momento é perceber a necessidade de ajudar ao próximo”         – Ação Solidária No Passo do Outro

O movimento, que acontecerá no dia 29 de abril, contará com apresentações de escolas de dança em diversos pontos da cidade do Rio de Janeiro com o apoio da CET Rio, Companhia de Engenharia de Tráfego, e a Guarda Municipal. O objetivo é arrecadar alimentos não perecíveis durante as apresentações.

A nossa diretora, Nelma Darzi, acredita que é essencial participar de uma ação solidária como esta pela união da classe artística da dança. “Acho importante estar junto de uma campanha que visa contribuir com a doação de alimentos num momento em que milhares de pessoas precisam desse apoio”, conta ela.

Durante os dias 26 de abril até 5 de maio, a Petite Danse receberá doações de alimentos não perecíveis nas recepções das suas quatro unidades: Tijuca, Itanhangá, Shopping Metropolitano e Vogue Square. Toda a arrecadação será levada para o Centro Coreográfico da Cidade do Rio de Janeiro para ser distribuída no dia 8 de maio para os trabalhadores do mundo da dança que e encontram m situação de vulnerabilidade.

Além de ser uma arte, um movimento e uma expressão, a dança tem uma magia de encantar e contagiar as pessoas através das histórias contadas pelos bailarinos. “Estamos passando por um momento de reflexão com um novo olhar para o mundo e a arte traz isso”, diz Nelma.

“Precisamos estar atentos para o outro” – Nelma Darzi

A Petite Danse tem o prazer de estar participando da ação e acreditamos que esses movimentos de ajuda e união devem sempre fazer parte da nossa rotina. Esperamos que você possa nos ajudar a fazer o “No Passo do Outro” um sucesso doando um alimento em uma de nossas unidades e assim, comemorar o Dia Internacional da Dança da melhor maneira possível!